Extensão do intercâmbio de Au Pair



Oi gente!! Se você me acompanha nas minhas redes sociais como Instagram, já deve saber que estou morando na Califórnia! Sim, ainda sou Au Pair! E como expliquei nesse post falando TUDO sobre o programa de Au Pair, temos a possibilidade de extensão do intercâmbio e eu escolhi estender por mais 12 meses, com outra família em outro estado!

Mas a sua família não era boa? Por que resolveu mudar? Bom, na verdade, desde que tive meu match lá no Brasil, falei pra mim mesma que tudo bem, estava indo pra NJ mas que além de turbinar o inglês meu maior plano era explorar a Terra do Tio Sam ao máximo. Iria explorar a Costa Leste e guardar a Costa Oeste para meu 2º ano... dito e feito! Terminei meu 1º ano com 13 estados visitados + o México!

Nunca tive dúvidas desse meu plano e no fim, minha host family havia decidido não ter mais Au Pair, então tudo certo pra eu ficar online! Ah, lembrando que para isso você tem que ter concluído alguns requisitos, como:

- 6 créditos de estudos (ou 72h);
- Novo application + nova carta;
- Referência da host family;
- Referência da LCC;
- $367,00 fee.

O programa de Au Pair é de pelo menos 1 ano mas você pode estender por 6-9-12 meses + direito ao Travel Month. Você ainda precisa estudar no 2º ano e tem direito a férias, mas dessa vez, proporcional ao seu tempo de extensão (6 meses:3 créditos e 7 dias de férias; 9 e 12 meses:6 créditos e 14 dias de férias). Além de ter a possibilidade de mudar de família caso queira. 

Na Cultural Care você também pode colocar no seu application seu estado/cidade de preferência (o que não quer dizer que você consiga ir pra lá), mas fica aparente para as novas famílias e a tendência é aparecer mais dessas regiões. Um detalhe importante de destacar é que no seu 2º ano o seu visto expira! Sim, mas fique tranquilo que você não estará ilegal... seu status continua legal, você receberá um novo DS, porém, ele te permite viajar apenas no Continente (EUA, Canadá, México e Ilhas adjacentes), fique esperto caso tenha planos de visitar o Brasil ou outros países! Essa possibilidade existe caso você for ainda no seu 1º ano ao consulado no Brasil e fazer todo o processo do visto novamente, ou seja, tendo um novo visto J1 com direito de ir e vir a vontade.

O fluxo enquanto fiquei online foi muito bom e não perdia tempo com famílias que não entravam nos meus requisitos (estava 81989 mais chata na escolha dessa vez!). Um pouco mais de 1 mês online, diversas entrevistas, aquele frio na barriga eterno por não conseguir se decidir ou achar que teve o feeling: enfim, MATCH! E aqui estou...

Hoje moro em Danville-CA. Uma cidade pequena e super fofa na Bay Area, região de San Francisco, cuidando de uma menina de 4 anos e um menino de 3 anos. É diferente, é mais cansativo mas não teria escolhido melhor, sou muito feliz com minha nova vida no lugar que escolhi e vivo um sonho todos os dias. #CaliforniaDream 💞

Sei que o pensamento e decisão de "Should I stay or should I go?" não é nada fácil. Mas a dica que dou, é: pense em você e no que te faz feliz. Veja suas prioridades: a família é muito boa? você gosta das regras? gosta da região? tem vontade de morar em tal lugar? sonha em estudar naquele curso? porque a oportunidade é agora. O intercâmbio tem data de validade e só você pode fazer dele o melhor pra você! Pense nisso ;)

Eu te desejo muita luz na sua escolha e estarei na torcida! Pode deixar seu comentário, também estou disponível por e-mail (thaisporai@gmail.com) ou qualquer rede social se precisar de conselhos. Mas depois que tomar sua decisão, agarra com tudo e não olha pra trás, tá?! Assim será uma escolha mais saudável e feliz...

Nesse vídeo conto pra vocês minha experiência após 4 meses de mudança! O processo, valores a serem pagos, conversa com a família, entrevistas, match, minha mudança e opinião sobre as vantagens e desvantagens de começar um novo ano em uma nova host family em um novo lugar!

Espero que gostem e não esqueçam do seu like além de se inscrever no Canal aqui para não perder os próximos vídeos!




Um beijão e a gente se vê por aí!

Nenhum comentário

Postar um comentário